previous arrow
next arrow
Slider
Os suplementos alimentares são indispensáveis para quem pratica atividade física, pois proporcionam os nutrientes essenciais para o organismo que não podem ser conseguidos apenas com alimentação. Eles podem ser usados para diferentes objetivos, como ganhar massa muscular, perder gordura, melhorar o condicionamento ou mesmo ter uma vida mais saudável.
Devido a complementarem nossa alimentação, suplementos não são usados somente por atletas, como também por qualquer pessoa que procura uma ingestão maior de algum nutriente. Quem busca o ganho de massa muscular sabe que só alimentação não é o suficiente para que suas fibras possam ser reconstruídas após um treino intenso, ingerindo suplementos alimentares que, normalmente, oferecem a forma mais pura do nutriente procurado.
O que são suplementos alimentares?
Recebe esse nome todo o produto criado para suprir uma determinada substância, cujas quantidades necessárias não são obtidas pela alimentação diária. Todas as funções do organismo, desde manter o coração batendo até a hipertrofia muscular, são realizadas por reações químicas que ocorrem no interior das células. Proteínas, carboidratos, gorduras, vitaminas, minerais, todos esses elementos estão envolvidos nesse processo, sendo que a falta ou excesso de algum deles pode causar um sério problema de saúde.
Diferentes suplementos podem ter diferentes quantidades de um certo nutriente, e devem ser consumidos de acordo com seu objetivo. Entre os suplementos mais comuns para ganhar massa magra, por exemplo, estão os whey protein e hipercalóricos; Já se seu objetivo é queimar gordura, pode ser recomendado um termogênico.
Essenciais para quem treina
Todos os nutrientes necessários para o corpo podem ser conseguidos com uma alimentação correta e balanceada, porém, nem sempre é possível ingerir as quantidades necessárias para suprir as necessidades do organismo. Ao realizar qualquer atividade física de alto impacto, o corpo humano utiliza maiores quantidades de alguns nutrientes, como proteínas e carboidratos, sendo indispensável o consumo de suplementos alimentares para fornecê-los. Um bife de 100g possui cerca de 25g de proteínas.
Uma pessoa de 80 kg precisa consumir diariamente em média 1g por cada quilo. Sendo assim, o consumo deverá ser de três bifes e mais um pedaço. No entanto, quem treina, essa quantidade pode ser triplicada, tornando o processo de repor os nutrientes apenas pela alimentação praticamente impossível, tornando suplementos extremamente importantes no processo. Além disso, cada bife possui uma determinada quantidade de gorduras, que em excesso pode provocar problemas de saúde.
Suplementos podem fornecer essa mesma quantidade sem a gordura, colesterol e outras desvantagens que podem atrapalhar seu progresso.
Tipos de suplementos
Além dos produtos que visam suplementar a dieta realizada pelo atleta, existem outros que tem a função de melhorar outros processos envolvidos no ganho de massa muscular e perda de peso.
Suplementos como esses impulsionam os resultados dos seus treinos e permitem que seu corpo seja reabastecido com o que precisa para que você atinja seus objetivos.
Proteínas
Diferenciados por características como tempo de absorção e valor biológico, os suplementos a base de proteína são praticamente obrigatórios para quem pratica atividade física.
Suplementos à base de proteína são utilizados principalmente por quem visa o ganho de massa muscular e definição.
A ingestão de proteína ajuda a reconstruir as fibras danificadas durante o treino, permitindo que elas se formem mais fortes e resistentes. Entram nesse grupo Whey Protein, Carnivor, Albumina e Caseína.
Aminoácidos
Esses nutrientes são responsáveis por criar as proteínas, que por sua vez, irão produzir as fibras musculares. Eles são responsáveis por realizar uma etapa específica desse processo, podendo seu usados para otimizar esse ponto crucial, como no caso do BCAA, que melhora o transporte de nitrogênio e a produção de insulina, além de auxiliar na reconstrução e manutenção muscular, sendo consumidos principalmente por quem quer evitar o catabolismo. Também são aminoácidos: glutamina e creatina.
Hipercalóricos
Se os aminoácidos trabalhavam em um ponto específico, os suplementos hipercalóricos são usados, basicamente, para aumentar e complementar uma dieta que necessita do consumo de muitas calorias. São indicados para pessoas com dificuldade de ganhar peso.
Hipercalóricos contêm grandes quantidades de proteínas, carboidratos, vitaminas e minerais, auxiliando seu corpo no extra de nutrientes necessários para um aumento potencializado da massa muscular.
São exemplos de hipercalóricos: Mass Titanium 17500 – Max Titanium; Nutri Whey – IntegralMedica; Hiper Mass Gainer – Atlhetica Nutrition.
Termogênicos
Indicados para quem quer acelerar a perda de gordura. Termogênicos auxiliam seu corpo a queimar gordura como fonte de energia, o que potencializa seus resultados de perda de peso. Para resultados realmente significativos, devem ser consumidos por quem já possui uma dieta balanceada e faz exercícios regularmente. Outras frentes que agem: diminuição do apetite e aceleração do metabolismo, melhorando a queima de calorias. São exemplos de termogênicos: Lipo 6 – Nutrex Research; Kimera – Iridium Labs; Sineflex – Power Supplements.
Pré-treinos
Em alguns momentos, é necessário uma “mãozinha” para conseguir realizar um determinado treino. Os estimulantes trabalhando fornecendo essa energia maior para fazer todos os exercícios com o máximo de intensidade.
Pré-treinos também podem servir como grande estimulante para o aumento da massa muscular, devido a intensidade que proporciona ao seu treino.
São exemplos de estimulantes Hemo-Rage – Nutrex Research; The Curse – Cobra Labs; Dyno – RSP.